Ultrageek 296 – História do Rock (ANOS 90)

Ultrageek 296 – História do Rock (ANOS 90)

Baixe o Ultrageek no seu Android

RAULLL CAVALARIA GEEK!

No Ultrageek dessa semana vamos continuar nossa série sobre um dos maiores movimentos culturais do último século, vamos falar sobre música, falar da… HISTÓRIA DO ROCK! Dessa vez, o assunto é rock dos anos 90!

Convidado manjador do ROCK:
– Ock-Tock (Tocks do Ock-Tock e Audio Fusion Bureau)

Nesse episódio: Grite ao ouvir Napster, entenda o movimento Grunge, faça uma turnê internacional com sua mãe, conheça os bisnetos do punk, escute a melhor banda do mundo (na opinião do Tato), curta a alta gastronomia californiana, escute rock em rádio de pagode, exporte o Metal brasileiro, tome cuidado com o Samambaia e salve o unicórnio!

LINKS DO PROGRAMA

SIGA A REDE GEEK

Sobre o autor

A Rede Geek é um hub de conteúdo geek, com podcasts, vídeos, blog, produtos e serviços feitos especialmente para a galera que é apaixonada por tecnologia! Siga a gente nas redes sociais e fique ligado de tudo que rola por aqui! ;D #RAULLL

  • Machisto opressor 2.0

    O grunge deu o grande azar de ter nascido ali na junção entre o 90 e anos 2000, e no finalzinho dos anos 90 ganhava força um outro estilo musical que tomava proporções inacreditaveis, o Gangsta hip hop. E ao contrário do grunge, o hip hop não necessitava de musicos talentosissimos que precisavam de uma certa maturidade pra compor, literalmente qualquer zé mané fazia rap com um toca fitas sony e um tecladinho vagabundo. Então pouquissimo tempo após a morte do Kurt já tinha um gênero engatilhado com muito mais grupos, que fazia muito mais barulho e com musicos muito mais descartáveis pra industria, infelizmente pro rock, o grunge foi um genêro que nasceu com data e hora marcada pra sua morte e a sentença de morte foi declarada pelo hip hop.

    Depois disso tivemos Oasis, tivemos the strokes, bandas boas, que foram bem exploradas pela midia, mas que simplesmente foram esmagadas por grupos de generos muito mais cíclicos

  • Felipe Izumi

    Excelente programa! Q venham outros mais!!!
    Só uma ressalva: não gostar do frusciante eu respeito, porém… Dizer q o cara fazia o feijão com arroz na banda é sacanagem hahaha!!! O cara é um puta guitarrista e todos os álbuns em q ele participou é evidente o tanto q ele Influenciou o restante da banda, tanto com arranjos, backing vocals e letras.
    Enfim… grande abraço a todos! Vida longa ao redegeek

    • Machisto opressor 2.0

      E uma coisa a ser ressaltada de frusciante, ele era um guitarrista extremamente tecnico, pega uma tablatura dele e tenta reproduzir ela de premia, não dá, a maneira de pensar musica dele é completamente diferente, ele tem uma guitarra mais minimalista, mas mais uma vez, extremamente tecnica e complexa

  • Thiago Miranda

    O foda de ouvir esse UltraGeek foi a vontade tremenda de interromper o programa e ir ouvir um som foda da banda citada. Eu curto todo tipo de musica desde Moda de Viola a Hip Hop e Heavy Metal, mas o Rock como um todo tem lugar especial no coração. Ótimo Programa

    PS > Ano passado eu fui ao show do Subime With Rome e foi fodastico.

  • Alex Ferreira

    Ótimo programa. Faltou uma citação a Foo Fighters hein.

  • Gustavo Quintão

    RAUUUL
    Programa sensacional marechais. Agora estamos chegando na fase do rock que eu vivi de fato. Reforço a recomendação do livro Como A Musica Ficou Grátis, peguei ele pra ler por causa do programa 275 e devorei ele em poucos dias, de tão imerso que fiquei. Uma curiosidade sobre esse livro é que as ultimas patentes sobre o MP3 que tem parte de sua historia contada no livro venceram no mês passado! (ou retrasado, não lembro direito!). Esse programa me deixou com uma puta vontade de reouvir alguns sons que não aparecem na playlist a um bom tempo já!

  • laurentiis

    Aí sim, hein? Já baixei mas ainda não ouvi, mas já gostei!! =D

  • Juliana Bárbara

    O programa tá foda! Achei o melhor!!! Talvez pela total identificação com a época (minha e de vocês rsrsrs) mas a verdade é que está animal. Ock Tock sempre incrível. Beijos meus lindos.
    RAULLL

  • Íkaro Balestrin

    Maury COMUNISTA!!!!

  • Leo Castoldi (Han Solo)

    Raulll marechais e cavalaria geek.
    Poderia eu ficar aqui concordando e falando de várias bandas e referências da minha adolescência e tals, mas o sentimento que mais predominou durante o programa era, levar umas brejas artesanais, licor de jabuticaba, tudo aqui da terrinha e passar um fim de semana só conversando com vocês e o Ock Tock, sobre música e bandas. Papo muito bom.
    Ps1: Napster
    Ps2: Maury comunista
    Ps3: princesa Léia comunista
    Ps4: Ock Tock, bora montar uma banda só da galera da cavalaria. Ia ser de mais

    Raulll

    • Leonardo Paiva

      DESAFIO ACEITO! Baixo e batera já temos. Cadê os guitarristas dessa cavalaria?

      • Leo Castoldi (Han Solo)

        Guitarristas e Vocalistas! Bora!! Raulll

  • Heitor Marques

    Acompanhando a série decenal do rock com vocês e curtindo demais. Tenho um periquito em casa que se chama Grunge (já dá pra ver minha identidade musical né!) Agora eu lanço um desafio. Sempre converso com amigos se o problema é porque eu envelheci e não enxergo mais o cenário musical ou se realmente a seguinte frase é um fato: o rock morreu nos anos 2000. Morreu no sentido de não se identificar mais nenhum clássico sublime como é tão fácil de se responder ao se falar de 90, 80, 70, 60… Ou seja, não há mais rock visceral, aquele que tem uma letra que vira lema ou uma batida que te faz urrar (Raulll) no mainstream dos anos 2000 em diante. Espero que eu esteja errado e vocês lancem os dois próximos episódios História do Rock 2000 e 2010 e que não me venham falar de Beyonce e Rihanna (e que excluam os de origens anteriores, como o FooFighters). Ansioso pela douta opinião do grande Ock Manjador Tock do rock. Vocês são feras!

    • Leonardo Paiva

      Que desafio excelente, cara! E eu tenho a resposta para ele – que você vai ouvir quando gravarmos o programa de rock dos anos 2000. Aguarde!

      • Matheus Algarve, o Sobrinho.

        Cara, eu aposto no Ock nessa briga ai, não tenho nem um terço do conhecimento dele mas Strokes por exemplo tem seu primeiro álbum nos anos 2000 se não me engano, falando mais próximo sobre oq eu conheço a banda Artic Monkeys que hoje domina as rádios ou Franz Ferdinand também apareceram nessa época, sem falar que choveu de hardcore no brasil, eu na minha adolescência adorava dead fish, cuieo e limão, dibob, e no final dessa década já existia algumas bandas indies que eu adoro até hoje, surgindo ali no finalzinho da MTV o Vivendo do Ocio por exemplo.
        O rock nunca vai morrer, e tem ainda muito papo nessa linha do tempo.
        NAPSTER!

  • UPeralta (Ted Mosby)

    Olá marechais, como estão?
    Só eu acho que os anos 90 devia ter sido divido entre Brasil e resto do mundo? Anos 90 do Brasil teve tanta coisa foda surgindo que eu acho que daria fácil fácil um cast a parte…
    Já deixo a sugestão aí pros anos 2000 xD
    E antes que eu esqueça: Ock, muito obrigado por essa maravilha que é o Tock Independente, pqp <3
    #RAULLL

    • Leonardo Paiva

      Velu pelos elogios, cara. Curtiu o segundo episódio do Tock Independente? Então comenta lá 😉 Vou gravar a seção de emails e recados do próximo em breve.

  • Matheus Algarve, o Sobrinho.

    Salve marechais, infelizmente venho dizer que cometeram um grande erro no programa, vocês erraram completamente toda a história sobre o grunge.

    Tudo começou na Grey Cup, o maior evento esportivo do mundo, no show de intervalo em 1996 a artista convidada Robin Sparkles se rebelou, se tornou Robin Daggers e cantou a música “P.S. I love you”, o primeiro grande sucesso grunge do mundo.

    Assim o grunge foi criado no Canada em 1996.

    Tirando esse erro o programa foi de qualidade excepcional, como sempre.
    O Ock se prova cada vez mais um Manjador maior hahahaha

    Adorei essa galera batizada aí também, aguardo ansiosamente o episódio 300, foi um prazer acompanhar essa gravação.

    P.S. I Love You
    PS2 Napster
    PS3 Maury comunista

    • Leonardo Paiva

      Se Geddy Lee confirmou, quem sou eu para ir contra…

  • Rodrigo Amaral

    Raulll Excelentíssimos Presidentes do Mundo e Marechais, Brigadeiros e afins…
    Escutar esse pógrama e sentir nostalgia o tempo todo! Obrigado a todos e o Ock-Tock manda bem demais!
    Melhor época da música.

    Xeruh procêis Cavalaria! Raulll

  • Pamela Leonardo

    Como faz pra ouvir o próprio batismo e não se emocionar….NÃO DÁ!!! rsrs Anos 90, anos 90 …. a moda passava por uma época difícil, calça jeans coloridas, bermudas largas e camisetas xadrez. O mais maluco foi ouvir vcs falando sobre o Raimundos pq foi com “um puteiro em joão em pessoa que descobri que a vida é boa ” e comecei a ouvir rock!! Programa bom de maissss!!! Bjos Bjos Iron Heart e RAULLLLLLLL

  • RauLLL!
    Nirvana foi a banda que fez entrar para o mundo do rock’n roll, e depois passar a consumir um som mais pesado. Infelizmente, só conheci nos anos 2000 (sou de 90), ou seja, tarde demais. Mas o som de Kurt Cobain, eternizado em suas canções, foi suficiente para me ajudar a conhecer o que o Rock e o Heavy Metal tinham a me oferecer 🙂

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

  • Kleber Nascimento Gueriero

    Meu primeirissimo contato imediato, primeiro comentário depois de alguns meses ouvindo aos podcasts e a grande mensagem que deixo:

    MAURY COMUNISTAAAAAAAA!!!!!