Ultrageek 277 – Emagrecer

Ultrageek 277 – Emagrecer

RAULLL CAVALARIA GEEK!

No Ultrageek dessa semana vamos falar sobre uma coisa que muitos geeks querem fazer… Emagrecer! É bem provável que a maioria de nós esteja acima do peso, bem, talvez alguns tenham até mesmo seu próprio campo gravitacional. Mas isso pode acabar, porque hoje vamos contar um pouco da nossa história e de como estamos fazendo para ficarmos mais saudáveis e perder peso!!!

Magro convidado:
– Felipe Bahia (Emagreça pela mente)

Nesse episódio: Conheça a ciência do comportamento, perca peso só de se inscrever na academia, entenda como emagrecer sem suco detox, deixe a máfia do sorvete, sobreviva ao wafle com Nutella, defina uma mêta, tome cuidado com o que coloca na boca e aprenda a dizer não!

Emagreça pela mente

EMAGREÇA PELA MENTE

Baixe o Ultrageek no seu Android


LINKS DO PROGRAMA


SIGA A REDE GEEK

Sobre o autor

A Rede Geek é um hub de conteúdo geek, com podcasts, vídeos, blog, produtos e serviços feitos especialmente para a galera que é apaixonada por tecnologia! Siga a gente nas redes sociais e fique ligado de tudo que rola por aqui! ;D #RAULLL

  • Leo Castoldi

    Raulll cavalaria.
    Já estou me inscrevendo e bora emagrecer.
    Em 2015 consegui emagrecer 20 kilos, usando apps no smartphone, contadores de caloria e app de exercícios, mas por conta da ansiedade e do stress engordei novamente em 2016. Quero retomar esse ano, Já perdi 2 kilos e estou mudando os hábitos para deixar o sedentarismo de lado, Raulll.

  • Raullllll cavalaria!

    Sou Thiago Queiroz, pai, podcaster do Tricô de Pais e sempre lutei contra a balança. Gostei muito da proposta do programa, principalmente porque não foca exatamente em tudo o que você não pode comer, mas sim no que provoca você a comer de maneira tão descontrolada. A maioria das dietas não observam que você possa ter alguma ansiedade ou problema que o leve à compulsão, então parabéns por trazer o assunto desta forma.

    Agora que vocês falaram sobre emagrecimento, eu gostaria muito de sugerir um tema a vocês: gordofobia. Acho que é uma reflexão que rende bastante desconstrução, e por isso deixo aqui dois links para fomentar a discussão:

    http://blogueirasfeministas.com/2012/09/gordofobia-um-assunto-serio/

    https://gordaslivres.wordpress.com/2015/11/30/o-que-e-gordofobia-isso-existe/

    Abraços!

  • UPeralta

    RAULLL MEUS VEIO!
    Caralho, meu comentário foi lido, seus lindos <3
    Só pra traduzir o meu comentário: Eu pago o spotfy mensalmente, eu mal ouço música no meu dia-a-dia. Eu ouço muito podcast, inclusive em casa. Já aconteceu eu deu passar meses sem, sequer, abrir o aplicativo no PC ou no Smartphone.
    Pronto, está traduzido =]

    Ps: Não sei se teve algum peralta na malhação, mas garanto que não era eu HAHAHA (só pq reclamaram da minha risada)

  • Que ultraje o convidado ter esquecido o nome da única maravilha gastronômica do Canadá, o POUTINE! Ou putinha, pros brasileiros mais íntimos hahahaha

  • Ótimo episódio! Mesmo não conhecendo tudo o que foi comentado, percebi que de certa forma eu aplico algumas estratégias na minha vida. E funciona! Eu não estou “acima do peso”, mas estou fazendo dieta agora (educação alimentar) para manter o peso e me alimentar melhor. Apesar de saber como comer “certo”, depois que casei comecei a comer o dobro, pois não queríamos deixar aquela sobra de comida que correspondia o equivalente a mais um prato cheio. Isso me fez ganhar peso ao longo de um ano. Agora estou me dedicando a comer o ideal (já frequentei nutricionista no passado) e deixo um dia livre da semana para ser o “dia do lixo”, para poder comer “besteiras”. No meu caso, preciso cuidar mais com a quantidade, pois não abuso muito de lanches e comidas com muita gordura e açúcar.
    Ah, estou desde Novembro de 2011 sem beber refrigerante. Não me faz falta 🙂

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

  • Luiz Andrade

    RAULLL Cavalaria e Marechais!
    Eu era gordo na adolescência e com 18 anod fiz uma cirurgia de ginecomastia (tetinha de punhetero) o médico me recomendou perder 10 quilos mas eu perdi 26 em um mês e meio, não fui em nutricionista ou qualquer outro tipo de profissional e o hospital não me ofereceu nenhum amparo ou orientação até porque era o S.U.S.
    Para conseguir isso tive que quase “passar fome”, fui em uma loja de produtos naturais e comprei um saco de 5 quilos de ração humana e tomava aquela PORRA 3 vezes ao dia batido com leite e frutas ou legumes, a única coisa que eu comia além disso era no almoço, meu prato era arroz, feijão, verduras e as vezes frango cozido, tudo em quantidades reduzidas.
    Foi assim por um mês no segundo eu dei uma aliviada pois já estava chegando no meu objetivo, foi a única vez que eu estiver abaixo do meu peso e valeu a pena, pois foi na minha faze de magro que perdi o “cabaço”.
    Não recomendo ninguém a seguir meu exemplo, sentia muitas dores de cabeça durante esse mês, se vc quê perder peso procure conselhos de profissionais!

  • Washington Junio Salles

    Raulll cavalaria.
    Na parte em que o Tato diz “…Eu percebi que o que eu curto é uma coisa gelada e doce…” Logo pensei, puta merda ele tá congelelando pepeca agora. Kkkkkkkkk

  • PathiPimenta

    Show vcs lendo/respondendo meu comentário estilo carta de novela! <3

    E esse foi mais uma força pra quem tem que mudar a mente e levar o corpo junto! E bora ouvir podcast na academia/caminhada!

    Bjos! e RAULLL!

  • Jefferson Oliveira ramos

    Raulll Cavalaria!!!
    Sim, sou só mais um gordo que paga academia, mas não vê prazer em pegar peso.
    Devido ao ritmo de trabalho como gerente, me estresso com equipe, com cordenador, com cobrança, aí já sabe né? Desconto na comida.
    Eu pesava 60kg com 1m73cm quando era vendedor(filé de pernilongo) e hoje depois de promovido para gerente pesando 87kg, vocês já devem imaginar como eu desconto mesmo na comida o stress.

    Para concluir o comentário queria parabenizar, vocês marechais, pelo trabalho bem feito.

    Há sim, uma sugestão que tal um podcast sobre Finanças Pessoais?

    Abraço e um singelo Raulll!!!

    Ass – Corretor Ortográfico.

  • Fabio Ortiz

    RAULLL Cavalaria…Primeiro tenho que deixar aqui o prazer de ter participado do Encontro da Cavalaria Geek, #FoiFoda. Agora voltando ao Ep… Muito bom usar a PNL para emagrecer, as Dicas do Felipe. Sou do time que não tem nenhuma paciencia para a Academia, era realmente um saco, ate que certo dia notei que todo usavam fones de ouvido. Logo pensei, por que não usar também, mas ao invés de música consumir minha playlist gigante de podcast e dessa forma aprender mais coisas. Então consegui aumentar a frequência de 1x na semana para 4x (incluindo os domingos simm).

    Outra ação, foi que assumi a coordenação de um projeto de Startups no meu trabalho e achava também um saco as reuniões que fazíamos e acabavam atrapalhando basicamente todo o prédio institucional, as vozes as vezes podiam ficar um pouco altas, e dai tive o insight de todas as sextas feiras fazermos as reuniões com caminhadas pela praça aqui próximo. Essa ainda não saiu com tanto sucesso, incrivelmente sempre alguém esquece a bermuda e o Tênis (confesso que uma vez fui eu quem “esqueceu”). A parte boa, a diretoria da empresa liberou que nessas sextas a gente possa ter nosso horário reduzido para realizar as caminhadas/reuniões.

    Bem, vou reduzir o comentário por aqui, por que também ja está ficando gigante, e mais uma vez afirmando que ainda vou mandar o e-mail do pedido de Bastimo… afinal as cobranças na #CPBR10 surtirão efeitos, mas eu sentia a necessidade de conhecer pessoalmente boa parte da Cavalaria…então aguardem que vai chegar, afinal o Acre é longe pra caraiiiii
    Abraços a todos. Raulll

  • Highlander

    RAULLL CAVALARIA!!!

    Olha só!! Já pratico alguns dos ensinamentos do Felipe há tempos e nem sabia que era uma tática tão válida assim. Faço parecido ao Tato que comentou que quando bate forte aquela vontade de se lambuzar com um chocolate vai beber um copo d’água. Só que em vez de água eu bebo café… mas não aqueles copinhos de café, mas uma caneca de 300 ml… é… reconheço que é um pouco demais e ultimamente tenho trocado a caneca pelo copinho tradicional, o problema é que tomo uns 5 de cada vez… Mas ainda assim é melhor do que o chocolate!!!

    RAULLL!!!

  • Fernando Malta

    Raulllll, cavalaria. 🙂

    Interessante o episódio. Continuo cético, mas se os resultados são esses apresentados é interessante verificar, claro.

    Uma dúvida que me ficou: muito se falou (aliás, foi o foco) de emagrecer, mas não foi mencionado a manutenção do peso depois de um limite ideal. Isso é, de alguma forma, trabalhada neste método sugerido? Pergunto porque não são poucos os casos de dietas e métodos de emagrecimento efetivos, mas pouquíssimos acabam por ser de fato duradouros.

    Um abraço a todos e continuem o bom trabalho!

  • Raulll Marechais!

    Parabéns pela atitude saudável que adotaram. Tenho certeza de que as coisas serão ainda melhores para vocês (também me refiro a isso que está pensando agora Maury 😜).

    Vou deixar uma sugestão para os marechais. Agora que estão querendo levar uma vida mais saudável, que tal um esporte? Sou suspeito para indicar a corrida, mas é um que não requer quase nada para praticar. Podem começar acrescentando um trote curto em cada caminhada e depois ir aumentando um pouquinho de cada vez. É fácil e antes que percebam já estarão correndo. Tentei pilhar o Gordo Geek quando comecei a correr, o cara quase entrou nessa mas pulou fora. Se tivesse feito isso provavelmente seria o “Magro Geek” agora. hehehe…

    Um pouco de história pessoal: Comecei há poucos anos e hoje e já tenho dezenas de provas feitas, dentre elas 11 meias maratonas e me preparo para a primeira maratona. Estou tirando onda? Claro que não. É só para mostrar que é possível. Se eu, um geek gordo e sedentário que não saía da frente do computador consegui fazer isso, QUALQUER UM consegue, inclusive a cavalaria geek.

    Sem contar que isso pode abrir mais um mercado para vocês explorarem: Tecnologia esportiva.

    Fica a sugestão.

  • Raphael Lamour

    RAULL cavalaria!

    Só um singelo comentário que fiquei um pouco decepcionado com tanto merchan e se fala quase nada em como o convidado faz essa re-educação de disciplina. Não consigo lembrar de um exemplo prático de como é o método, apenas o resultado final. Lembro do sorvete e da reunião como exemplo, mas gostaria de saber mais. abraço!