Ultrageek 213 – Igualdade de gênero

Ultrageek 213 – Igualdade de gênero

RAULLL CAVALARIA GEEK!

No Ultrageek desta semana vamos falar sobre um assunto que merece toda atenção… Igualdade de gênero! Coisa de menino? Coisa de menina? O que cada um pode fazer? O que você consegue fazer? Será que seu gênero interfere? ;D

Convidada empoderada:
Natalia Leite (Escola de Você)

Nesse episódio: Quebre as caixinhas, não procure o principe encantado, tenha autonomia econômica, persiga sua felicidade, coma um pão, entenda o feminismo, preste atenção nos pequenos preconceitos, faça metáforas no melhor estilo Star Trek, lute pela igualdade de gênero e busque o conhecimento!

  1. SIGA A REDE GEEK 
  2. Curta a nossa página no Facebook!
  3. Rede Geek no Twitter
  4. Rede Geek no Google Plus
  5. Rede Geek no Instagram
  6. Rede Geek no YouTube
  7. Grupo aberto dos TRANSANTES no Viber

Sobre o autor

A Rede Geek é um hub de conteúdo geek, com podcasts, vídeos, blog, produtos e serviços feitos especialmente para a galera que é apaixonada por tecnologia! Siga a gente nas redes sociais e fique ligado de tudo que rola por aqui! ;D #RAULLL

  • diegourahara

    Rede_Geek o feed está normal?

  • Alquimista Daltonico

    diegourahara Rede_Geek nope. Não consegui baixar no feed aqui

  • Alquimista Daltonico diegourahara Rede_Geek Estamos vendo isso já… Aparentemente alguma configuração deu pau no feed durante a manutenção!

  • otigre1982

    Rede_Geek não estou conseguindo atualizar o feed do podcast. Vocês mudaram de endereço?

  • joaojosefidalgo

    Rede_Geek o feed ta off?

  • brunaocrash

    profmaury o feed tá com problema?

  • edimendes

    profmaury vdd aqui não apareceu ainda. Dando refresh como louco! Kkk

  • CainhoVini

    profmaury isawhoo você tem que ouvir esse episódio!!!

  • Spagwho

    profmaury o que que aconteceu com o feed? to desde ontem na hora que anunciaram dando refresh, e no site tbm não ta dando

  • isawhoo

    CainhoVini profmaury ah meu deus lá vem

  • heltonsantana

    profmaury RAULL Marechais! Pelo que parece estão com problemas no feed. O meu também não atualiza, mas vou ouvir pelo site, vlw!

  • thellocaeto

    profmaury mudou o feed mau? Não subiu aqui no wecast

  • MMFelix

    profmaury Maury,o feed não atualizou no WeCastApp Deu xabú?

  • gianmc2

    TatoTarcan no meu PocketCasts ainda tá no 212 D:

  • profmaury

    brunaocrash Sim… Deu pau no feed! Estamos arrumando! Download pelo site 😉

  • profmaury

    thellocaeto Estamos com problemas no feed. Estamos tentando arrumar. Tenha fazer o download pelo site ;D

  • thellocaeto

    profmaury beleza 😉 sem problemas! Era só pra avisar

  • RAULLL PREZADOS MARECHAIS!

    Que baita episódio! Muito bom ouvir opiniões feministas sem radicalismo, vindas de uma mulher inteligente.
    Como fui criado basicamente pela minha mãe, já que meu pai faleceu quando eu era muito pequeno, nunca tive problemas em respeitar as mulheres e inclusive de pensar como elas. Além disso, minha mãe me educou como um gentleman, ou seja, sou o tipo de cara que abre porta, dentre outras posturas cavalheirescas. 

    Grande abraço.

  • WeCastApp

    MMFelix profmaury TatoTarcan a URL do feed do podcast está fora do ar

  • Ronin (Koudi)

    Raul Cavalaria!!!

    Primeiramente, ótimo programa, de uns tempos pra cá comecei a me policiar sobre esses pequenos atos inconscientes de machismo, não me considero machista… mas confesso que já tive várias dessa reaçõezinhas idiotas. 
    Achei legal os pontos que a Natalia expôs, ao contrário de algumas conhecidas que tentam convencer a todos de que o feminismo é a salvação da humanidade e levam isso como uma religião (na minha opinião isso mais afasta as pessoas do que atraem à causa), ela mostra como o feminismo pode ajudar ambos os sexos, achei bacana, vou tentar mostrar o programa pra elas e ver se em vez de espantarem as pessoas elas não passam a adotar um discurso mais acolhedor auhauhuhauhahua
    Uma mulher que eu acho legal pra fazer um programa diria que é a Ada Lovelace, ela é conhecida como a primeira programadora, mas sei quase nada sobre ela. No pouco que vemos sobre a história da computação durante a faculdade ela é, quando muito, citada.
    Por último mas não menos importante, fica o meu desejo de melhoras.
    Raulll

  • serafimlilian

    Rede_Geek pelo meu feed tá dando erro. Será que é só comigo?

  • VictorSeitiYonemura

    Primeiro passo pros babacas que falam exageros sobre o feminismo, é ver conteúdo como a do RedeGeek, Papo de Gordo e AntiCast, pra ao menos entenderem que não é frescura. É direito básico.
    É impressionante como o ser-humano costuma generalizar e negativar um movimento ou uma ideia só pelos poucos exemplos de extremismo.

    Vamos falar e discutir mais sobre esse tema, galere.

  • _maressss

    RAULLLL
    Acompanho o ultrageek desde a entrevista com o Padilha e tô ouvindo os podcasts passados.  Tô muito feliz de ver esse tema por aqui!

  • rbamondes

    profmaury Vou ouvir e compartilhar

  • TatoTarcan

    WeCastApp MMFelix profmaury Conseguimos resolver!!!! #RAULLL Vejam se está ok pra vcs! ;D

  • MMFelix

    TatoTarcan WeCastApp profmaury Aqui tá perfeito! #RAULLL

  • TatoTarcan

    MMFelix WeCastApp profmaury Aí sim! Deu um trabalho do caralho! Huahuahua #RAULLL

  • MMFelix

    TatoTarcan WeCastApp profmaury Imagino! Mas os Marechais da Cavalaria Geek são foderásticos! #RAULLL

  • BeatrizSantos1

    RAULLL, 
    Mauy e Tato.

    Segue uma sugestão de página a prestar atençãono fb: https://www.facebook.com/asminasnahistoria?fref=ts
    Além de encontrar as histórias de Dorothy Counts, Malala Yousafzai (última vencedora do Nobel da Paz), Celina Guimarães Viana (a 1ª mulher a ter o direito ao voto no Brasil), Murasaki Shikibu (que escreveu o 1º romance do mundo, no japão, em 1010), Sonja Ashauer (1ª brasileira a concluir o doutorado em física), Sophie Germain,Grace Hopper e Klara Dan von Neumann (que criou um dos códigos utilizados no MANIAC I e depois tbm participou do desenvolvimento do ENIAC) , lá tem mais uma lista grande das mulheres importantes na história!! 
    Se fizerem um podcast sobre literatura, poderiam falar da Christine de Pizan (1ª autora profissional, ainda na Idade Média), a Mary Shelley, das irmãs Brönte, da Jane Austen, Virgínia Woolf, Elizabeth Bishop etc.
    Adoraria ouvir vcs fazendo um podcast específico sobre qualquer uma delas, existem muitas mulheres incríveis e que merecem ser lembradas.

    Saudades de vcs!

    Abração!!!

  • isawhoo Você ouviu o episódio?

  • Uma maravilha de conteúdo, que entrevista bacana com a Natalia Leite, fiquei interessado além de ouvir em assistir a reportagem dela, bem interessante mesmo.
    Não tenho muito o que acrescentar, mas é bem isso que comentaram, vamos desvincular essa imagem diferenciada que nós temos dos gêneros, é fácil falar e difícil de fazer na nossa realidade do azul e rosa que comentaram, imagino que isso seja quebrado com o tempo e conteúdos como esse estão ajudando muito nessa mudança.
    Excelente programa galera.
    Ps: Eu ia reclamar pela falta de novos programas, mas por motivos de doença a gente entende perfeitamente.

    Ps2: Queremos ibagens do Maury com cabelo comprido e brinco kkkk.

  • RAULLL, CAVALARIA!
    Existe um lema antigo que todo mundo já ouviu falar, mas que, infelizmente, quase ninguém se lembra fora da aula de História: Liberdade, Igualdade e Fraternidade. Todos os seres humanos são livres para fazerem o que quiserem, possuem os mesmos direitos e obrigações e devem tratar uns aos outros como irmão, sempre respeitando o próximo. Acho incrível como uma ideologia tão bela e conhecida ainda não se fincou no intelecto de todos.

    Mulheres como Marie Curie, Virginia Wolf, Clarice Lispector e todas que participaram de movimentos feministas já mostraram que não somos meras marionetes de porcelana. Nós podemos sustentar nossas famílias, revolucionar o mundo ou simplesmente pagarmos nossas contas do restaurante. E acho que nem preciso falar da capacidade dos transgênero, né? Quem ainda tem esse pensamento atrasado só tem a perder.

    Pensando nisso tudo, não consegui deixar de me lembrar de uma série em mangá que terminei recentemente: Nana. Nela, temos personagens de ambos os sexos com os mais diversos perfis: mulher que quer ser mãe, mulher que quer se dedicar à carreira, homem sensível, homem frio, homem viciado em trabalho… A autora conseguiu criar um leque muito diversificado e incrível de personagens bem construídos, que convivem com a camaradagem que eu adoraria ver sempre.
    Abraços, espero que os dois já estejam bem e perdão pelo comentário grande. Como a Natalia disse, mulher tem a tendência a falar com mais palavras.

  • PS: Vale a pena vocês verem os conteúdos relacionados à campanha He For She. O discurso da Emma Watson, por exemplo, é maravilhoso.

  • BeatrizSantos1

    Steph, a Sheska da Cavalaria Geek Essa fala da Emma e a campanha em si são fantásticas msm! <3

  • Raulll Marechais
    Eu escolheria como 1ª biografia de mulher seria a Maria (a do “banho Maria” https://pt.wikipedia.org/wiki/Maria,_a_Judia ) que pela lenda era uma alquimista
    Mas tem tão pouca informação dela presumo que ia ser complicado
    Mas vamos pela ordem que eu faria:
    Ada LovelaceMarie CurieHipátia (ou Hipácia, dependendo da fonte) de AlexandriaMary Sherley (escritora de Frankenstein, ou o Prometeus Moderno)Margaret Hamilton (trabalhou na NASA antes mesmo da ida à Lua como teve mais de 13 trabalhos publicados)

  • Deilan Nunes

    Eu não gosto é do termo ” feminismo”, já que .muitas pessoas confundem ele com termos como feminazi e etc… Gosto bem mais do termo ” igualitarismo ” … Faz mais sentido inclusive no nome em si… Igualdade .. Já o termo feminismo já coloca um gênero no nome…. É quase como se colocasse a mulher acima do homem… Da mesma forma do machismo… Então na minha opinião igualitarismo é o termo perfeito !!! Excelente episódio e raulll !!! Eu acho que para a primeira mulher a ser falada no ultrageek ( tipos os epi sobre nikola tesla e santos dumond ) poderiam falar sobre a marissa mayer CEO do yahoo… Que é um caso bem mais recente e legal !!!

  • #RAULLL Marechais Geeks, parabéns pelo maravilhoso programa.
    Abraços!