Ultrageek 205 – Leitura

Ultrageek 205 – Leitura

RAULLL CAVALARIA GEEK!

No Ultrageek desta semana o assunto é LEITURA! Não importa se você curte um cheirinho de livro, se usa o notebook, Kindle, Kobo, Lev, smartphone, tablet ou qualquer outro tipo de device. O livro deixou de ser apenas um objeto e se tornou um tipo de conteúdo multimídia que consumimos em todos os lugares!

Convidado nada literal:
Rafa Lohmann, O amuleto da Cavalaria Geek

Nesse episódio: Valorize o cheiro de um livro velho, pratique a leitura com o diário de Lucia Helena, participe de um clube do livro, colabore algum lugar de alguma forma, venda bíblias e descubra a maior influência de Martin McFly!

  1. LINKS DO PROGRAMA
  2. GoodReads
  3. Nerds & Encrenqueiros
  4. Audible
  5. Get IT Up, com o Mutcha Lutcha da Cavalaria Geek

Sobre o autor

A Rede Geek é um hub de conteúdo geek, com podcasts, vídeos, blog, produtos e serviços feitos especialmente para a galera que é apaixonada por tecnologia! Siga a gente nas redes sociais e fique ligado de tudo que rola por aqui! ;D #RAULLL

  • Lorde Peregrino CG

    Raulll Marechais!!!
    Gosto muito de ler, principalmente literatura fantástica. Meu primeiro livro, não escolar, que li foi logo a obra prima do Metre Tolkien: Senhor dos Anéis. Tenho por baixo 10 livros na fila, mas ultimamente leio pouco. Recomendo A Trilogia dos Espinhos do Mark Lawrence.
    PS: Lorde Peregrino é meu nome na Cavalaria Geek.
    Raulll!!!

  • GabrielNogueiraHolland

    Raul Marechais!!!
    Passando pra dizer que eu tenho e já li os livros da série as Brumas de Avalon!
    Recomendo o livro admirável mundo novo, do Aldous Huxley

  • Jairo Panzer O Tanque de Guerra da Cavalaria Geek

    RAULLL MARECHAIS!

    Muito bacana este episódio sobre a leitura, um hábito fundamental para a construção e expansão do pensar.
    Comecei a ler desde muito novo, estimulado pela minha saudosa mãe. Minha iniciação na literatura se deu com a Coleção Vagalume, que cheguei a possuir completa. A partir daí fui pra Tolkien, Júlio Verne, Edgar Rice Burroughs, Machado de Assis e por aí afora. 
    Ler é uma coisa tão maravilhosa e fico muito triste em saber que pra maioria das pessoas literatura se resume a ler “as coisas chatas do colégio pra passar no vestibular”.  
    Foi muito legal ouvir mais sobre o Kindle, pois não conheço ninguém que tenha e-reader e sempre fico me perguntando se vale a pena adquirir um. Bem, como estou cursando Administração e terei que ler vários livros gigantescos, verdadeiros trambolhões, vou acabar comprando um pra facilitar a minha vida.

    Dica de leitura: Neuromancer, de Willian Gibson. Vai agradar em cheio os fãs de ficção-científica.
    O que estou lendo: A Arte da Política – A Historia que Vivi, de Fernando Henrique Cardoso.

    Grande abraço.

  • Olá olá olá Geeks!
    Eu sou Léo Bruski e começa agora mais um comentário no Ultregeek [Sobe a vinheta…..]

    Fala galera, muto bom o programa, legal ver a experiência de outras pessoas na mídia e comparando com a minha. Ouvi um tecnocast esses dias sobre os Kindles e leitores digitais e realmente é um aparelhinho que veio pra ficar (https://tecnoblog.net/180452/tecnocast-023-esses-livros-de-pixel/). O rafa é realmente leitor roots, o cara lê até em francês ao invés de esperar uma tradução, eu sei que ele explicou que faz isso por conta de traduções mal feitas, mas será que isso acontece com muita frequência ou ele que encucou com isso?
    Acho que poderiam fazer um episódio falando mais sobre os gadgets para leitura, técnicas de leituras utilizando a técnologia Spritz, que vem me ajudado bastante também.

    Valeu senhores, grande abraço!!!

  • Celle Freitas

    Raulll Marechais, 
    Tenho um gosto meio aleatório para leitura. Ao contrario do Evangelista da Cavalaria Geek que lê de tudo desde novo eu já não gostava muito de ler.
    Filtrava por livros de vampiros, mangás e algum que o resumo me chamasse a atenção. Me apaixonei por Crônicas de Nárnia. Gostei bastante da Trilogia de 5 do Guia do Mochileiro, que são do meu irmão, e estou relendo no momento.

  • #RAULLL Marechais geeks da cavalaria transante, nunca tive o costume de ler aliás, posso afirmar que ao longo dos meus 27 anos terminei no máximo uns 7 livros (até o momento),  mas graças ao incentivo da  Steph, a Sheska da Cavalaria Geek  eu finalmente despertei o interesse na leitura, primeiro encontrando gêneros que mais me chamam a atenção e depois me indicando bons livros, porém eu sofria do mesmo mau que o Profº Maury, me aconchegava na cama para ler e em questão de páginas adormecia, seja com o livrou ou o tablet, resolvi meu problema de forma fácil e simples, comecei a ler sentado, e nas horas vagas na minha empresa. Terminei meu primeiro livro após muito anos esses dias e agora estou lendo a trilogia de cindo do Guia do Mochileiro das Galáxias, hoje posso afirmar que adquiri o gosto pela leitura após um longo tempo, com uma ajudinha especial.

    Abraços e RAULLL

  • Absurdo! Como assim citam o Lito tão “en passant”, como “marido da Fulana”, e sequer citam o blog e canal de YouTube < href=”http://www.avioesemusicas.com/”>”Aviões e Músicas”</a>??? Sacanagem 😀

  • jairopanzer

    TatoTarcan Mais um ótimo episódio! #RAULLL

  • rodrigoSetimo

    TatoTarcan ainda não terminei de ouvir mas acho que vocês não falaram do skoob, confere?

  • Vanguard “O Estivador da Cavalaria Geek”

    meus pais sempre acharam que gastar dinheiro com livros não valia a pena então sempre me acabava de ler na biblioteca da escola.
    Meu primeiro livro foi “O escaravelho do diabo”, depois que comecei a trabalhar (na época como pintor de faixa de estacionamento), comecei a frequentar os Sebos do centro de SP e lá conheci os livros que são hoje os meus favoritos “As cronicas de Artur” depois disso foi ladeira abaixo, livros de ficção científica, guerra (“Caçada ao outubro vermelho” é muuuito loko), fantasia (MALDITO MARTIN), orror (Deus abençoe a alma de Lovecraft) e mesmo meus pais achando um disperdicio de dinheiro eu continuo comprando livros até hoje o que incentivou a escrever meus próprios contos de terror, segue o link para meu blog.

    http://iraecaos.blogspot.com.br/

  • Daniel Conte – Capitão América da Cavalaria Geek

    A troca de papel/kindle e vice-versa causa estranheza.
    Acho o kindle me motiva mais a ler, principalmente pelas estatísticas.

  • #Raulll Marechais!
    O e-Reader vai ser sempre uma coisa fantástica, seja ele qual for. 
    No caso de vocês, garanto que vai ajudar o prof. Maury a perder a preguiça de colocar as letras antes dos filmes na lista de prioridades (até porque o título de professor fica um pouco estranho em um cara que não quer saber de ler, certo?). Recomendo e dou a idéia de vocês já levantarem um review de diferentes marcas no site da Rede Geek! 😉 Alô Patrocinadores, mandem e-Readers pros caras!!!!
    Sobre o episódio, percebi que vocês não falaram do “velho sacana e transante” durante o podcast. Nem naquele trecho do final (esse trecho tem nome?). Não gostam de Bukowski? Ele tem poesias, contos, cronicas e novelas. Vale a pena.
    abraço!!!

  • O Highlander

    RAULLL CAVALARIA!!!
    Eu não tenho o hábito de leitura. Eu sou VICIADO em leitura! É sério! Vou listar abaixo alguns sintomas desse vício, sem ordem de gravidade. Se você ou algum familiar seu tem um ou mais desses sintomas tenha cuidado.
    1 – Eu gostava de ler os livros obrigatórios da escola. Todos eles! Sem exceção!
    2 – Nunca li um livro ruim na vida (afinal um viciado nunca acha ruim o objeto do seu vício)
    3 – Começo a ler um livro à noite e quando olho pro relógio já são altas horas da madrugada
    4 – Começo a ler um livro à noite, vejo no relógio que já é altas horas da madrugada e mesmo assim continuo (só mais algumas páginas)
    5 – Já tive uma crise de abstinência fortíssima. Em uma época sem internet, eu já tinha lido absolutamente tudo que tinha em casa, incluindo as enciclopédias. Eu era criança ainda e não tinha autonomia pra poder sair de casa pra poder comprar um barato. Mas o vício é forte e a gente faz loucuras pra satisfazê-lo. Li as bulas de todos os remédios que tinha em casa…

  • augustocbx

    Se possível coloquem as excelentes indicações do Rafa na descrição deste podcast. Muitas vezes escuto um programa e gosto de alguma indicação e depois tenho que ficar procurando no áudio as indicações e é comum deixar passar uma coisa ou outra.
    Livros:
    – The way of kings
    – O jogador número 1
    – Perdido em marte
    – O nome do vento
    – 1984 de George Orwell

    Vale também a referência ao site Universidade Falada, que contém o melhor acervo brasileiro (apesar de muito limitado) 
    http://www.universidadefalada.com.br/

  • Jairo Panzer O Tanque de Guerra da Cavalaria Geek

    O Highlander Velho, te entendo. Eu era tão viciado em leitura que na época do meu ensino fundamental (primeiro grau) eu lia os livros das matérias antes de começarem as aulas, mais especificamente os livros de História, e sempre que ia com a minha mãe comprar o material escolar pro ano e a coitada sempre gastava os tubos comprando uns livros da Vagalume pra mim. Bons tempos.

  • Henrique Dias

    augustocbx Concordo plenamente, por algumas vezes me peguei aqui perdido por não ter as recomendações no post… Vlw Cavalaria! RAUL!

  • Daniel Conte – Capitão América da Cavalaria Geek

    rodrigoSetimo TatoTarcan não falaram 🙂 é uma ótima forma de consulta, mas pouco intuitivo para adicionar livros a biblioteca

  • Presto (Vinícius)

    Raulll, Cavalaria!

    Programa sensacional! O Nome do Vento foi o livro que me fez começar a escrever, acho sensacional! Pena que o autor demora mais que meia década pra escrever as continuações haha

  • A Hera Venenosa, da Cavalaria Geek!

    Raaaaul Cavalaria, Marechais,
     Não aguentei e tive que comentar esse ultra geek MARAVILHOSO sobre leitura. Livros alimentam a alma. Me identifiquei com várias partes do podcast: cheirar o livro logo após comprar, gostar mais do livro físico, crescer com o Harry Potter e seu mundo (e ainda esperar pela carta de Hogwarts), dentre outras. Me interessei pelo clube do livro, realmente é interessante pegar algum livro tendo referência de outra pessoa e não só indicação, é quase uma rede social isso!
     E enfim, encontrei alguém que comprou “O Nome do Vento” pela capa. Achei que teria sido só eu, e é incrível como ele consegue ir além da capa e surpreender pela história. Senti falta de citarem algum livro do Bernard Cornwell que também é sensacional, e façam mais podcast sobre livros, é muito bom ouvir!!!

     Beijos e Raaaaul

  • Presto (Vinícius)

    A Hera Venenosa, da Cavalaria Geek! Eu também comprei O Nome do Vento pela capa! Estava procurando Crepúsculo(?) pra minha irmã na Bienal de 2011 e vi aquela capa linda 😀

  • Rough Pirate Não consigo ler livro, mas não significa que não goste de ler! ;D 
    Minha leituras preferidas são artigos e reportagens. Acho mais dinâmico hehehehe Vai entender!

  • Maury Pereira pega um do véio safado que vc vai aprender a gostar de ler. rarrrrr!

  • A Hera Venenosa, da Cavalaria Geek!

    Presto (Vinícius) A Hera Venenosa, da Cavalaria Geek! Acho que a capa é o convite, a história a justificativa pra continuar…kkk até porque a capa do segundo livro é tão linda quanto a primeira!

  • caridade

    Esse é meu primeiro post no site. Acompanho os podcast, mas sou um dos ouvintes que não se pronunciam.

    Adorei o tema e gostaria de complementar com uma dica. Adoro podcasts, mas não suporto audio livros quase sempre é apenas uma pessoa lendo o livro. Mas adoro audiodramas e até hoje só encontrei 3 audio livros neste formato em português.

    Todos são da http://audiolivroplus.com/ aqui já tem o link direto para os 3 unicos nesse formato http://audiolivroplus.com/catalogsearch/result/?cat=0&q=3d

    Espero que possa ser interessante para alguém.

    Raulll!!!

  • Henrique Cezar

    Raaaaul Cavalaria!
    Se os marechais me permitirem contarei a minha breve experiencia com livros, se não uma pena pois ja foi enviado.
    Acho que meu primeiro livro foi Percy Jackson e o mar de monstros, que vi ao passar em frente de uma livraria e gostei da capa, a partir dai não parei mais.
    Já li mais de 50 livros e tenho 100 na wishlist. A pouco tempo descobri que há uma biblioteca onde moro, e estou lendo Laranja Mecânica que achei por la, como não sabia o que ler quando o acabasse a citação a Persépolis atiçou a minha curiosidade com toda a certeza sera o meu próximo livro.

  • GuilhermeGondin

    Não tô conseguindo baixar, aparece isso aqui http://postimg.org/image/x2g4qkfwx/

  • Henrique Cezar

    GuilhermeGondin Tenta clicar com o botão direito do mouse em cima do botão, e depois clicar em “Salvar link como…” e salvar

  • GuilhermeGondin

    Henrique CezarFoi mal a demora pra responder, mas funcionou, obrigado ^^

  • Joao Cristian

    RAULLL, Marechais!
    Sei que está um pouco tarde pra comentar sobre esse podcast mas eu não poderia deixar passar o quanto os senhores me inspiraram após ouvi-los. Eu sou um entusiasta da leitura mas que, sinceramente, leii muito pouco. Depois de ouvir o sr. Rafael falando tão apaixonadamente sobre alguns livros senti vontade de terminar todos aqueles que comecei e larguei pela metade, e acredite não são poucos. De certa forma vocês me inspiraram a tomar vergonha na cara pois inegavelmente a leitura é a maior fonte de saber que nós temos. Eu os conheço a pouco tempo e ouvi pouquíssimos podcasts, o que havia gostado mais é o podcast sobre cerveja (também né… ??) mas confesso que depois desse ep aqui aquele ficou em segundo lugar. Escrevo a vocês apenas pra comunica-los que os senhores ganharam um fã e a partir de agora não perco mais nenhum episódio.
    Obrigado pelo ótimo trabalho e pela mensagem bacana que vocês passam. É pra finalizar um RAULLL em homenagem aos audiobooks brasileiros na voz de Cid Moreira. (Sei que vocês vão imaginar como isso seria e vão dar risada assim como eu estou dando hehehe)