Ultrageek 168 – Pensando em mudar de sistema operacional

Ultrageek 168 – Pensando em mudar de sistema operacional

RAULLL CAVALARIA GEEK!

No programa de hoje vamos falar sobre um assunto um tanto complicado! Para alguns não se discute politica, religião, futebol, mas a grande verdade é que essa máxima para um geek só é verdade quando o assunto é sistema operacional!

Isso mesmo, nesse episódio do Ultrageek vamos ser mais polêmicos, vamos falar sobre a mudança de OS. Pior que largar o Flamengo e ir pro Fluminense, que desistir do Corinthians e torcer pro Palmeiras! Mac OSX, Windows, Linux, Android, Windows Phone ou iOS… Qual é a sua?

Usuário convidado:
– Excelentíssimo Senhor Prefeito Carlos Vivacqua (Cidade Gamer)

Nesse episódio: Conheça o sistema operacional da 3M, fique p*to quando sua mãe pega no mouse, imagine como seria trocar de sistema operacional, irrite-se por não termos falado de Linux e deixe um comentário xingando muito no Twitter!

Sobre o autor

A Rede Geek é um hub de conteúdo geek, com podcasts, vídeos, blog, produtos e serviços feitos especialmente para a galera que é apaixonada por tecnologia! Siga a gente nas redes sociais e fique ligado de tudo que rola por aqui! ;D #RAULLL

  • kylefelipe1

    E isso são horas de se postar?
    loooogggiiiiccooooooo uhuuullll

  • kylefelipe1

    E ainda fui o primeiro? Mereço um Raul heim…
    mandem um pro meu amigo Lucas Rigamont também. …. abraços. ..

  • barone

    Fui apresentado ao incrível mundo da informática no Windows 3.1 em um 386. Troquei de notebook recentemente e sim, ele é um PC, pois não tenho console e é a minha única plataforma de jogos. Graças aos avanços atuais, posso jogar Shadow of Mordor no High em um computador mais fino que um livro de 200 páginas 🙂

    AQUELABRAÇO,

    THE MENTE

  • Vanguard “O Estivador da Cavalaria Geek”

    Tenho 2 S.O no meu PC, o Ruwindows 7 e o Ubuntu Studios que é uma versão do Ubuntu focado em edição de áudio, vídeo e imagem e sempre fico com raiva do Ruwindows depois de ter trabalhado no Ubuntu devido a lentidão do sistema, é lento para iniciar, lento para abrir uma janela, lento para conectar (instalei uma placa Wireless no pc no Ubuntu entra de boa já no Windows direto da um erro bizarro e tenho de fechar a conexão e abrir de novo, já tentei de tudo mas nunca entra de primeira no Windows) já o Ubuntu Studios tem um kernel lowlatency que torna mais bem mais rapido quando o assunto é aplicativo de som. Outra coisa que gostei foi sobre o consumo de recursos, como era de se esperar do ambiente xfce, é
    bastante baixo e nas atividades que requerem processador e ram os níveis
    raramente ultrapassam 20% eu só deixo o Ruwindows por conta da “Primeira Dama”(minha linda esposa Carla que acha o Jovem Nerd e o Azaghal dois gordos retardados e os odeia com toda força e até agora não encontrei nem um podcaste que ela gosta-se tonando minha pequena vida de casado conturbada devido a comentários tipo “Vai escutar essa porcaria de novo?”, tenho receio de apresentar o ultrageek para ela). Em todo caso o Windows para mim é só um S.O para poder “Brincar” e o linux para trabalhar.

  • FlavioLamas O Portador Cético da Adaga Jathiman

    Rs, ate estranhei que dessa vez saiu fora da segunda feira hehehe, imaginei que fosse por conta de vocês estarem no cast do papo de gordo 🙂
    Quanto aos S.O. , realmente cada um tem sua vantagem e depende muito da aplicação que você deseja, eu mesmo uso o debian linux para trabalhos internos, códigos mais rebuscados de análises e projetos acadêmicos. 
    Já o windows 7, fica sendo para lazer, videos e jogos. Acredito que muitos da geração de 1980 que mexem com computador seguem isso, ao menos , no meu círculo de amizades, quase todos são assim rs, dual boot na veia! 😀
    No mais, gostei bastante do cast! continuem assim sempre ! 🙂
    ps: to tentando fazer uma arte [ou um comission] pra fazer uma camisa com todos os nomes ate o momento dos membros da cavalaria numa figura representativa, se sair algo legal, eu mostro pra vocês quando ficar pronto 😀 
    Ah sim, pensei em mais 2 sugestões de títulos:
    Vassalo da Cavalaria,  dado aqueles que reconhecem o tato e o maury seja em qualquer local [com o minimo de bom senso] e não tem vergonha [ou cara de pau hehehe] de conversar de boa ou ainda chamar os caras pra eventos sociais com a cavalaria em peso! [ quando vai rolar outro evento pra cavalaria???] 😀

    Levantador de Moral Oficial, dado aqueles que apareceram no “coisa linda de deus” do Ultrageek 🙂

  • kylefelipe1

    Fala pessoal, muito bom o programa de hoje…
    Sou de BH – MG, estudo geografia e trabalho com Geoprocessamento no estado, aqui em BH mesmo.
    Eu adoro os macs, mas ainda não tive oportunidade de obter o meu, AINDA, e ao contrário de muitos não mordi a cadeira como foi cojitado no programa, kkk. 
    Trabalho no instituto estadual de florestas aqui em BH – MG e já me acostumei a utilizar Windows em desktops macs, eles possuem um ótmo hadware para rodar os programas da área, para vc ter idéia temos aqui estações DELL recem adiquiridas top de linha e não fazem o processamento que os desktops da apple fazem, apesar de serem mais antigos… e por incírivel que pareça o windows neles roda mais estável que nessas estações algumas vezes (em todas as estações estamos usando windows 7). 
    Como também sou músico, toco contra baixo e costumo fazer gravações em casa, certa vez um amigo, que também é músico, me emprestou o Macbook Pro por uma semana e eu me apaixonei de vez pelo sistema, minha placa de audio funcionava que era uma maravilha… enquanto no notebook com windows ela apresentava um pequeno chiado que às vezes atrapalhava um pouco, mas no mac com o garage band rodando era uma maravilha em apresentações ao vivo… de lá pra cá procuro comprar um mac Pro para poder trabalhar e tocar também…
    Parabéns pelo dia do podcast, tentei gravar um que por falta de gente acabou não indo para frente. sempre que posso indico vocês, um dia quero “converter” minha sobrinha a ouvir vocês, mas como ela possui apenas 8 anos de idade, e curtir muita coisa da nossa cultura (Star Wars, Tranformers, jogos, seriados e etc) ela não pode, AINDA kkk, ser exposta a tantos palavrões e outras coisas pesadas que rolam no podcast ( o que não diminui a qualidade excepcional de vcs) mas quando estiver com uma idade de abstrair tudo isso e curtir o conteúdo de qualidade que vcs possuem.. terei o maior prazer de passar boa parte dos meus dias ensinando ela a pílotar Drones e VANTS e curtindo muito um ULTRAGEEK.
    RAUL a todos…

  • Ed Araujo, o Donatello da Cavalaria Geek

    A gente elogia que sai cedo numa semana e eles sacaneiam tudo na semana seguinte… tsc tsc tsc…

  • FlavioLamas O Portador Cético da Adaga Jathiman

    Ed Araujo, o Donatello da Cavalaria Geek q isso, da um desconto rs, os caras fizeram nas primeiras horas da segunda  nas ultimas 2 semanas 😀 ainda acho q foi culpa do papo de gordo ! 😀 rs

  • Ed Araujo, o Donatello da Cavalaria Geek

    Não penso mais em mudar meu sistema operacional. Não tem pra Nerdcast(Windows) nem pra Rapaduracast(linux) nem nada disso ai… Meu OS é só o Ultrageek e semanalmente eu faço as atualizações.
    PS: por mais que não esteja tão bom, o episódio13, sobre linux pelo menos me fez rir.

  • Ed Araujo, o Donatello da Cavalaria Geek

    FlavioLamas O Portador Cético da Adaga Jathiman Ed Araujo, o Donatello da Cavalaria Geek Provavelmente foi isso mesmo, mas não consegui ouvir meu podcast no dia do podcast… fiquei chateado…

  • Deilan Nunes

    pelo menos citaram o Linux ……. tato puxando saco do mac os x ……
    meu primeiro sistema foi o Windows xp, e quando descobri o Windows 7 fiquei maravilhado em descobrir que o Windows xp não é tudo ( bons tempos ) .
    hoje uso o Windows 8.1 (        tentei testar o Windows 10 mas deu pau     :,(           ) e tenho o ubuntu em dua boot … as vezes tento usa-ló, santa central de programas dele.

    também já tentei fazer uns hackintosh mas não deu muito certo.
    depois de sair do meu Motorola v3, usei um SO da sony que num sei o nome , WebOS depois symba e vim para o grande inovador sistema Windows phone 8.1 🙂   … tive android só em um tablete , mas to curioso com o android 5

    https://www.youtube.com/watch?v=cnXTtSLhWsw

  • O Ferreiro

    Sistema operacional qualquer que de pra eu jogar LOL ta bom e mobile qualquer um que tenha o wecast que acabei de ajudar no catarse (insira som do jaba aqui)

  • rjpinheiro

    profmaury MSX-DOS p/ Nextor, MS-DOS p/ Linux, acho… Mas já usei um pouco de tudo, até Windows!

  • Rafael Correia

    Meu primeiro SO foi o Windows 3.11…
    OSX mexi um pouco e achei excelente, mas sinceramente não
    considero que valha o custo.
    Linux usei durante anos, para o meu trabalho ele é
    totalmente compatível, além disso a distro que eu usava, Ubuntu, era/é
    extremamente amigável e agradável de usar, tudo funcionava rápido e muito
    bem… De fato o melhor SO que já usei. (Obs: acabou de ser lançada uma versão
    nova do Ubuntu)
    Atualmente uso Windows 8.1 em meu desktop simplesmente
    porque a biblioteca de jogos da Steam para Windows é muito maior do que para
    Linux, como já passo o dia inteiro programando, o meu computador de casa
    basicamente só serve para jogar e executar tarefas simples… To tentando não
    trabalhar em casa rs 😛
    Quanto à mobile, tive um iPhone por um período considerável
    e achei excelente, mas quando precisei mudar também considerei que não valia o
    preço, principalmente por existirem alternativas de baixo custo e igualmente
    excelentes como o Moto G de 16gb com o Android 4.4 que atende a todas as minhas
    necessidades muito bem e custou 1/3 do preço de um iPhone.
    Minha finalidade principal de utilização de um tablet é a leitura
    (HQs, livros, revistas), pra isso comprei um android
    de 8.4 polegadas e ótima resolução que me serve perfeitamente. Utilizo muito em
    meu trabalho um iPad 4 e um iPad Mini, além de vários outros com Android e
    sinceramente não vejo em que o IOS me seria mais vantajoso.
    O programa foi muito bacana, ótimo convidado… vou conferir
    o Cidade Gamer.

  • OslecMac74

    marchwill profmaury MacOS e iOS.

  • rjpinheiro

    Android é Linux. RT profmaury Mac OSX, Windows, Linux, Android, Windows Phone ou iOS… Qual é a sua? http://goo.gl/IB8w06

  • rjpinheiro

    MSX-DOS. RT profmaury Mac OSX, Windows, Linux, Android, Windows Phone ou iOS… Qual é a sua? http://goo.gl/IB8w06

  • chgyn

    TatoTarcan Linux? não ouvi vcs falando muito sobre o Linux, mesmo assim o podcast esta muito bom.

  • “Este Podcast foi patrocinado por Apple do Brasil” hahahaah

    Sou usuário do Windows e Android, gosto da liberdade que estes SO me oferecem. Já usei o WP e não gostei. MAC OS e iOS não usei porque os produtos são muito caros e o custo benefício hoje no Brasil não é legal, pra mim hoje, não vale a pena. No momento que lançarem um iPhone 7 por R$799 serei o primeiro da fila para comprar, agora por 4K igual está hoje por mim não rola.

    Muito bom o programa, só irrita um pouco a fanboyzisse de vocês pelo Mac, zoando o windows e PC, venho naquela velha máxima “Os dois são bons” e fico ainda mais irritado quando alguém diz que eu tenho que comprar um Mac pra editar vídeo ou áudio, só tenho uma coisa pra dizer pra essas pessoas “Tudo que você faz no Mac eu faço no windows pela metade do preço”. Pra mim um profissional treinado manda bem em qualquer plataforma.

    Valeu galera

    Abraço

  • Rafael Correia

    Léo Bruski – O Mensageiro Espacial da Cavalaria Ge O custo para montar um PC com especificações similares ou superiores a de um iMac é muito menor do que a metade do valor dele, mesmo comprando Windows e Office.
    Atualmente nenhum dos SOs populares é ruim, tanto Windows quanto Linux, OSX, IOS e Android atentem satisfatoriamente a maioria das demandas.
    A experiência de uso do OSX/IOS é muito agradável, mas para mim a única coisa que justifica o seu custo é a maçã estampada na parte de trás do aparelho.
    Preços abusivos só são praticados porque existe mercado, se todos boicotassem estes produtos em algum momento teríamos iPhones por R$ 799, mas até a porteira do meu prédio ostenta um celular de 3 conto, deve ter deixado uns 4 meses de salário em uma loja por nada…

  • Alquimista Daltonico

    Em disputa de OS não se fala de Linux, assim como em disputa de plataforma de jogos não se fala em PC.

  • Jack Grillo

    Este podcast foi fraco. Ficar só na experiência própria, me frustrou bastante. Deveriam ter trazido alguma pessoa experiente na área e não usuários.

  • Vanguard “O Estivador da Cavalaria Geek”

    Só por que abri a boca para falar dos meu S.O ontem deu pau NOS 2 SISTEMAS! é um erro maldito que trava ambos os sistemas antes de subir para a tela de logon, mas vou fazer alguns procedimentos que consegui consultando o Oráculo (Google) e posto aqui como resolvi.

  • O Highlander

    Sabe aquela piadinha sobre que tipo de mulher você gosta?
    – Você gosta de que tipo de mulher?
    – As vivas!

    Então, é mais ou menos por aí o meu caso com os sistemas operacionais…

  • Carlos Nani

    A polêmica agora é o tom desse posdcast, logo terá um episódios falando só de mamilos ! rs

    Raul !! Raul !!Raul !!

  • MarceloSallex

    Rauul !!!
     
    Estou curtindo pra caralho o REDE GEEK. Parabéns pelo podcast.
    Só para constar, a guria que me apresentou ao REDE GEEK foi a Fabiana, eu estava mostrando pra ela o podcast dos meus amigos do GEEKVOX e ela comentou que o primo dela fazia uns paranauê parecido.
    Estou aqui esperando um programa do REDE GEEK falando de BDSM com a participação da “Ursula Tetão”… Um grande Abraço.

  • Ed Araujo, o Donatello da Cavalaria Geek

    RAULLL Cavalaria! Aviso aos geeks RPGistas, em especial os que moram em São Paulo, minha terra querida. Dias 15 e 16 de novembro vai ser comemorado o Old Dragon Day. Pra quem conhece esse maravilhoso sistema tupiniquim de RPG baseado nos classicos de D&D 1st edition e AD&D é o dia de juntar a cambada e jogar, pra quem não conhece é hora de conhecer. Vou mestrar uma das mesas oficiais de São Paulo. Dia 15/11 as 14:00 no Conjunto Nacional, Avenida Paulista, 2073, Jardim
    Paulista. Convoco aqui o poder da Cavalaria para marcar presença nesse evento. mais informações entrem no site http://www.redboxeditora.com.br ou pelo twitter redbox_rpg . E fica a dica, até senhores Tato Tarcan  e profmaury , que tal mais um cast sobre RPG?

    #odday2014

  • Vanguard “O Estivador da Cavalaria Geek”

    Consegui! Só que infelizmente tive de tirar o Linux da máquina, parece que é alguma mandinga da Microsoft para não ter outro sistema além do Ruwindows!!!!

  • portillodesign

    1 – Como assim? Eu trabalho com Mac e uso para Produção Gráfica há anos… Livros, Revistas, Identidades Visuais… e uso Illustrator e Pixelmator. O CorelDRAW não me faz falta nenhuma. Hoje, tem apps web que converte de .cdr para .ai. E, na verdade, quando um cliente me manda em .cdr, eu o respondo sempre, “mande em .ai, ou não tem como fazer”.

    2 – A Microsoft tenta empurrar interface de toque desde o Windows Vista, por isso que iniciar é um círculo e insistiu no Windows 7, por isso que a barra de tarefas aumentou de tamanho. Tive um HP XIGANTE que se transformava em tablet, bem na época do Vista… não deu certo, era terrível e o toque nojento.

  • Carlos Nani

    portillodesign Cara, trabalhei com um diretor de arte que defendia o Corel Draw com  unhas e dentes, dizia que o Illustrator era só um modismo que passaria. Nos dias de hoje, está desempregado e correndo para se atualizar, já que não consegue emprego só com o conhecimento em Corel Draw. Enfim, não se atualizou, … apostou todas as fichas em único software, …. não se deu beml !!  Por exemplo, agora existe um software vetorial chamado  AFFINITY DESIGNER ( que estou doido para testar ) que parece ser um bom concorrente para o Illustrator, .. é cair dentro e se preparar para mudanças !!

  • portillodesign

    Carlos Nani portillodesign Só não entendi como o Illustrator seria modinha se ele veio antes do CorelDRAW :P.

    Mas vou ver esse Affinity Designer. Na verdade, eu estou gostando muito dos apps que são feitos só para Mac. A performance deles são excelentes.

  • Carlos Nani

    portillodesign Carlos Nani Cara, acho que essa ideia veio por que o PC chegou aqui no Brasil com mais força que o Mac ( até hoje é assim ), e nessa época para produção gráfica só tinha Corel Draw nessa plataforma, … além do preço exorbitante da adobe, sendo só o photoshop mais caro que a suite de programas da Corel, então a popularização dele veio antes, fazendo a galera pensar meio errado. 

    Pelo menos essa foi a conclusão que eu e uma amigos chegamos, depois de alguma conversa !!

  • kylefelipe1

    portillodesign Carlos Nani Eu JURAVA Que o AI veio depois do corel…. mas eu não sou profissonal da área… mas uso o corel para fazer minhas bricadeiras do dia-a-dia e me atende bem… tentei usar o AI mas apanhei muito,, e como eu não ganho dinheiro com esse tipo de trabalho (faço mais por hobby) preferi continuar usando o corel mesmo…
    Atualizar sempre é bom….

  • portillodesign

    kylefelipe1 portillodesign Carlos Nani É mais o menos como o Carlos falou. Mas era a questão que o Illustrator era exclusivo do Macintosh no final dos anos 80. No começo dos anos 90, os computadores PC IBM/Compatível começou a ganhar força pelo preço menor de mercado graças a Guerra dos Clones (iniciada pela Compaq). 

    O CorelDRAW também era exclusivo para Macintosh, e surgiu um ano depois do Illustrator, mas acabou ganhando força quando lançou sua versão para Windows. A versão para Windows do Illustrator só veio uns 5 anos mais tarde.

    Quanto ao fato de ser mais caro, não era bem esse o motivo, pois a Suite de Aplicativos Gráficos CorelDRAW era falha demais e somente o DRAW realmente evoluia, entre 90 e 99 entraram e saíram diversos aplicativos do CorelDRAW, na tentativa de emplacar algo novo. O único que ainda deu um pouco certo foi o CorelWORDPerfect.

    Mas o Illustrator tem uma coisa a seu favor que o CorelDRAW não tem e por isso teve problemas com cores. A Adobe foi quem inventou o WYSIWYG, com a tecnologia PostScript, no final dos anos 80, justamente junto com o Illustrator.

  • kylefelipe1

    portillodesign Eu fui conhecer que o AI existia a 5 anos atráz, antes disso AI pra mim era só o filme do spilberg hauhauahuauuahahuhauhauhauhauhauh
    Valeu pelos headsup….

  • Se eu tivesse por aí com certeza iria lá ver isso, bacana!

  • Carlos Nani

    portillodesign Carlos Nani Hummm, a questão do preço eu estava me baseando no que eu vejo hoje, não sabia desse detalhe e o lance do PostScript lembrei agora que galera tinha comentado isso, mas com acabei esquecendo com o tempo. Muito bem lembrado !! 😀

    kylefelipe1 O Illustrator é bem pedreira para aprender, porém, as ferramentas dele são muito melhores, mesmo que seja só para uma “brincadeira” . Um exemplo é a ferramenta 3D do Illustrator, abra o programa e siga um tutorial básico, por que mesmo o mais básico mostra como essa ferramenta é legal de se usar !! 

    Raull Raull Raull !!! 

    😀

  • masreis

    Eu uso Linux nos meus computadores há 10 anos. Apesar de ter OSX e Windows, sou usuário de Debian e já fui Slackware.
    Algumas coisas, claro, a gente acaba tendo de usar outros SOs, mas isso é totalmente exceção.
    Para trabalhar, música, videos, até mesmo gravação de áudio, faço tudo com Linux.
    Primeiro porque é mais rápido que todos os outros, você não precisa comprar computador novo todo ano. Tenho um velho Dell aqui em casa com Debian que funciona incrivelmente bem.
    Atualmente, estou tentando fazer meus filhos se converterem ao Linux. Eles têm 11 e 5 anos. O mais velho, aos poucos, deixa de usar Windows, apesar de usar bastante o OS X. Por enquanto…
    Posso dizer que Linux é totalmente viável para o usuário normal. Por que digo isso? Porque no Brasil a gente não tem dinheiro sobrando para SO, e Linux pode ser um caminho para novos investimentos em outras coisas que não sejam software pago. Acredito que haveria mais riquesa para ser distribuída entre as outras áreas.
    Acredito que vale a tentativa de disseminar o uso do Linux na sociedade, com boa vontade. Vejo muitas vezes o usuário parar de usar Linux quando tem um problema. Com Windows também há problemas, a diferença é que o conhecimento está mais disseminado, tem mais gente para ajudar a resolver os problemas.
    Em 10 anos, vi poucos casos que impedem a utilização do Linux como SO. E mesmo nesses casos, pode-se usar o dual boot e ter Windows e Linux na mesma máquina.
    Para um país em desenvolvimento, acredito que Linux poderia ser uma oportunidade de crescimento.

  • portillodesign

    masreis O problema é a cultura do “meu amigo tem”. Mas realmente, o Linux não dá para ser usado ainda pela maioria por problemas de compatibilidade de hardware. Apesar dele reconhecer os drivers de vídeo e etc, não são bem os drivers completos.
    Poucos são os drivers desenvolvido para Linux para uso 100% do hardware. Geralmente, o que há são drivers genéricos ou com parte da otimização real do aparelho.

    Isso causa uma frustração na hora de trocar uma placa de vídeo ou colocar algo mais. Ainda tem o problema de incompatibilidade com alguns softwares bancários. Não vejo o Linux como algo forte para uso cotidiano, mas somente uma alternativa. Na real, eu nem vejo mais futuro no mercado de computadores para o usuário médio. Os tablets e pseudo-híbridos tenderão a mudar tudo. E a tendência de mercado é que o Windows Desktop morra com o passar dos anos, o MacOSX fique em produção de conteúdo profissional e o Linux se assente como servidores.

  • ChibiMartins

    Vou fazer um “Jaba” aqui hahaha
    Para usuários de Android, que forem fazer migração de aparelho, especialmente se você vai mudar de marca, você tem o problema que os programas específicos de cada marca não são úteis nesse sentido, em fazer o backup e passar para o novo aparelho.
    Hoje tem o app Mobogenie, que tem a versão PC e mobile, que é uma plataforma independente e faz essa migração. Inclusive identifica quais eram os aplicativos que você tinha em um app e te auxilia a instalar no novo (porque ele também é uma loja de aplicativos). Até seus sms ele transfere, além de contatos, fotos e etc. Ajuda muito para usuários leigos que não sabem trabalhar com cloud.

  • masreis

    portillodesign Acredito que pode ser feito um bom trabalho para que o Linux se popularize. Tudo em função do custo.
    Claro que nunca será igual. Estou usando o LibreOffice para escrever um texto em uma máquina Linux, e continuo esse trabalho em Office para Mac. Covardia. Mas o custo é alto.
    Será que todo mundo que usa Windows/Mac efetivamente precisa do SO pago?
    E no mercado corporativo? Temos bons exemplos em cidades alemãs que simplesmente baniram o Windows em prol do Linux. 
    As exceções devem ser tratadas como exceções, não como regra.

    Pelo contrário, eu tenho visto exatamente o movimento contrário, cada vez mais gente usando Linux no Desktop, incluindo aí o governo. 
    Se eu pudesse escolher, preferiria que esse dinheiro fosse para o capital humano.

  • Boa tarde, Brigadeiros Podcastais!
    Caras, gostei muito do programa, embora discorde do seu título. Acho que deveria ser “Pensando em mudar para um Mac?”. O programa foi muito bem feito, porém faltaram opiniões de defensores de Windows . 

    Tenho certeza que o Randal Bergamasco, do Na Porteira, odiou este programa. Ele é um ferrenho algoz de tudo que tenha uma maçã estampada em sua carcaça.

    Vocês falaram sobre alguma coisa de CorelDRAW e Produção Gráfica. Apesar de todo mundo que trabalha com produção gráfica — principalmente nas capitais — torcer o nariz para o CorelDRAW, vale lembrar que este é o programa padrão em 90% das gráficas do interior do Brasil. 

    E digo, apesar de ser evangelista não-oficial da Adobe, que o mais importante não é se está usando CorelDRAW, Illustrator ou até FreeHand. O que importa é o conhecimento do operador.

    Já recebi muito arquivo zuado de Illustrator em Mac e muito arquivo bom em CDR no Windows. 

    E para terminar, minha sugestão:
    Nunca façam virtualização de Windows no Mac usando Parallels. Quando usei — lááááááá com o 10.6.11 — o Parallels esvaziava a memória do Mac e isso só era recuperado restartando o sistema. 

    Nem tinha um “Memory Clean” pra ajudar. 

    Depois de muito sofrer, e até pq tinha que usar o Windows sem desligar o Mac, acabei migrando para BootCamp, que, apesar da necessidade de boot, ainda era uma opção melhor para ter um sistema funcionando de verdade.

    Abraços.

    aLxhttp://mundopodcast.com.br/comentadores

  • Kalebe Alves

    masreis portillodesign Muito bem argumentado.
    Não só em cidades alemãs. O departamento de defesa dos E.U.A. são um dos maiores clientes da RHEL, FAA, e muitas outras grandes organizaões e governos migraram completamente para linux a anos(você pode encontrar uma grande lista aqui http://www.comparebusinessproducts.com/fyi/50-places-linux-running-you-might-not-expect , apesar de não ter fonte, se procurar notícias encontrará no site oficial de cada departamento).
    Quando se trata de servidores, segurança da informação e redes é fato que gnu/linux e BSD dominam o mercado. Os próprios servidores de dns do google são openBSD’s.

    Grande parte das empresas que conheço em minha cidade usam Linux em sua infra-estrutura, desde desktops a servidores de broda.
    Existem muitas ferramentas bem programadas e maduras na comunidade de software livre que podem ser instaladas e usadas facilmente, como audacity, kdenlive, gimp(conheço uma gráfica que treina seus funcionarios para usarem este e fazem trabalhos tão bons quanto otras graficas que trabalham com softwares proprietários), o próprio LibreOffice em termos de funcionalidade é quase um clone do office, é claro que com sua própria interface, e não tão bonito. Mas não trocaria a segurança e tranquilidade de usar um software livre(livre no sentido de controle e não de preço) por beleza de uma prisão.
    O que não encontra neles ainda tem muitos addons feitos pela própria comunidade.

    Sem contar na facilidade de uso do sistema e ferramentas de administração implementado pelos desenvolvedores focados em atingir um público mais leigo, alguns deles mais fáceis do que as ultimas versões do windows, como ubuntu, fedora, mint, sabayon, entre muitos outros.

  • Kalebe Alves

    portillodesign masreis

    E quanto ao hardware, hoje em dia o kernel do linux tem drivers para
    praticamente tudo. Depois do kernel 3.0 nunca precisei instalar um drive
    para audio, ou placas wireless em meus notebooks, e eu uso Arch
    linux(quase um slack com um bom gerenciador de pacotes). Nem mesmo mudar hoocks ou modulos no kernel.

    Eu
    possuo um notebook com tecnologia optimus(um lixo que a nvidia faz
    colocando duas placas de vídeo, uma para bateria e outra para
    desempenho) e no windows, o ultimo drive disponível para o meu sistema é
    a versão 198, nenhum outro mais novo o reconhece ou irá funcionar(palavras de um funcionário da nvidia que me atendeu). 
    Para atualizar para versões mais novas eu tive que editar
    os arquivos de configuração do drive nas versões mais novas na mão e
    adicionar o endereço fisico do barramento da minha placa para conseguir
    usuá-la razoavelmente pois o drive não da completo suporte as suas funções… No linux eu instalo o bumblebee e ele ativa a
    minha placa de vídeo dedicada para softwares específicos ao meu comando com desempenho superior e
    versões de driver atualizadas, dando possibilidade de acelerar o
    processamento com compressão das imagens atraves de alguns algorítimos de compressão utilizados no
    processador e muitas outras coisas que parecem infinitamente dificeis de
    configurar e são apenas parametros em arquivos de texto, ou mesmo
    ferramentas de configuração automatica com menus simples, explicativos e intuitivos,
    ao invés de setar codigos em assembly como tive que fazer nos drivers da
    minha placa de vídeo para o windows porque não tem suporte nenhum para a plataforma. Se fosse bom ainda valia o esforço, mas fazer tudo isso para usar um windows?? Da até vontade de rir.

  • masreis

    Kalebe Alves portillodesign masreis Em relação a servidores eu tenho certeza que é uma opção viável e interessante.
    Meu interesse é ver aumentar o uso do Linux nos desktops. Meu filho de 10 anos usa, e sobrevive bem. Há limitações, certamente, mas não acho que sejam impeditivas. E sempre vai haver o dual boot. 
    Agora, sendo honesto, qual o percentual de funcionalidades do Word que vocês usam?
    Para mim, é a melhor ferramenta de texto que já existiu, assim como o Excel para planilhas. Mas eu nunca sequer soube das milhares de possibilidades do Office. E sou usuário avançado. Será que todo mundo precisa mesmo de Windows? Office? Acho que os valores são altos para o que se precisa. E as exceções que precisarem usar, aí nesse caso, e somente nesse caso, a empresa deveria adquirir o produto. 
    E tenho certeza que será apenas uma fração do que temos hoje. 
    Também acredito que o Windows é o melhor SO. Além de muito bonito. Mas meu notebook quad core i7 não consegue rodar Windows 8. Enquanto isso, com Debian ele nada de braçada, com todas as ferramentas de programação que eu preciso. 
    Acho que todos deveriam dar uma chance ao Linux, de bom coração, sem má vontade.

  • Kalebe Alves

    masreis Kalebe Alves portillodesign só pancada..rs
    muito legal isso de ensinar seu filho desde cedo, até porque, quando uma criança aprende a usar um outro sistema, ela não está se adaptando, mas sim explorando a intuitividade da interface planejada, diferente de alguém que está acostumado com certa maneira de realizar uma tarefa a 20 anos.

    Com certeza cara… eu ja usei bastante o word e uma das coisas mais complicadas que tive de fazer foi usar quebra de seção com paginamento independete por seção e indices dinâmicos para formatar meus trabalhos e tcc. É claro que podem existir pessoas que usam funcionalidades mais avançadas, porém eu nunca vi nem ouvi sobre. Muito menos de alguém que comprou lisença(não estou falando de lisenças pré instaladas em novos computadores).
    Um dos maiores motivos para que as pessoas não usem  suites livres de office como libreoffice é que a compatibilidate de formatação do documento falha muitas vezes entre programas, principalmente com arquivos ppt, mas isso porque grande parte dos usuários atualmente ja usam office.

    Já quanto ao windows ser o melhor OS eu não concordo, uma questão pessoal é claro, rs.
    Detesto o escalonamento de processos dele. Acho a implementação do “kernel” do windows(o nt) nojenta. As funções de retro-compatibilidade com binários do MS-DOS 3.x presentes no kernel até hoje o tornam vulneráveis a inúmeros exploits locais, entre muitas outras funções parecidas; a instabilidade no sistema me irrita muito; outro fator que não gosto é o NTFS e seus algorítimos de contrução hieráquicas de nós, permitindo muitos erros de segmentação de blocos e intensa fragmentação do disco(corrigida por alguns remedos do nt, mas que causa bastante carga de processamento por algo que ja existe solução no ext4, xfs, zfs, e btrfs a muuuito tempo com simples escrita com delay e melhor calculo de cilindros); e por ultimo mas mais marcante… quem nunca se deparou com a tela azul da morte??? até Bill Gates já viu uma https://www.youtube.com/watch?v=IW7Rqwwth84. Eu sei, win98, mas não deixa de ser ilári. hehe. E mesmo assim o ME, XP tinham muitos erros que causavam dump de memório, até memso o windows 7.
    Ja usei Fedora por quase um ano, kubuntu por 2 anos, slackware por 2 anos em meu notebook(ollha só), e atualmente uso o arch a 4 anos em meus servidores pessoais, desktop e notebook, e CentOS profissionalmente a mais de 2 anos e nesse tempo todo e em todas essas distros, tirando meu notebook sem cooler, minhas brincadeiras com o mkinitpcio e inesperientes compilações do kernel, nunca tive um kernel panic ou um reboot inesperado.
    Fui usuário de windows 95, 98, xp, e o 7 por ultimo, e em todos eles tive inúmeros problemas de instabilidade do kernel, overload de serviços que não faziam nada, vírus, e muitas, mas muitas telas azuis.
    Ja até me aventurei com windows server 2008, mas no final, a mesma coisa, um pouco menos problemático e com suporte a uns sistemas de arquivos específicos para compartilhamentos de protocolos mais isolados como smb(é claro que tem bastante ferramenta de configuração avançada de serviços para rede como dns, login de domínio, dhcp, ftp, “vpns” e firewall, e telnet, Telnet, TELNET???!!!!, mas são muito pobres se você está acostumado com gnu/Linux’s ou BSDs).

    De novo, rs, são opiniões pessoais. Existem muitas pessoas que não se importam com esses fatores, a maioria na verdade nem os conhece e não faz diferênça em sua vida, porém na minha faz, principalmente se você trabalha com servidores que precisam funcionar 24h durante meses sem desligar com máximo desempenho…
    Tenta ficar 3 dias sem reiniciar seu windows com alta carga de processamento e uso de memória durante o dia inteiro e verá a bagunça que é o gerenciamento de memória do nt e se o desempenho no final será satisfatório…

  • Kalebe Alves

    masreis Kalebe Alves portillodesign só pancada..rs
    muito legal isso de ensinar seu filho desde cedo, até porque, quando uma criança aprende a usar um outro sistema, ela não está se adaptando, mas sim explorando a intuitividade da interface planejada, diferente de alguém que está acostumado com certa maneira de realizar uma tarefa a 20 anos.

    Com certeza cara… eu ja usei bastante o word e uma das coisas mais complicadas que tive de fazer foi usar quebra de seção com paginamento independete por seção e indices dinâmicos para formatar meus trabalhos e tcc. É claro que podem existir pessoas que usam funcionalidades mais avançadas, porém eu nunca vi nem ouvi sobre. Muito menos de alguém que comprou lisença(não estou falando de lisenças pré instaladas em novos computadores).
    Um dos maiores motivos para que as pessoas não usem  suites livres de office como libreoffice é que a compatibilidate de formatação do documento falha muitas vezes entre programas, principalmente com arquivos ppt, mas isso porque grande parte dos usuários atualmente ja usam office.

    Já quanto ao windows ser o melhor OS eu não concordo, uma questão pessoal é claro, rs.
    Detesto o escalonamento de processos dele. Acho a implementação do “kernel” do windows(o nt) nojenta. As funções de retro-compatibilidade com binários do MS-DOS 3.x presentes no kernel até hoje o tornam vulneráveis a inúmeros exploits locais, entre muitas outras funções parecidas; a instabilidade no sistema me irrita muito; outro fator que não gosto é o NTFS e seus algorítimos de contrução hieráquicas de nós, permitindo muitos erros de segmentação de blocos e intensa fragmentação do disco(corrigida por alguns remedos do nt, mas que causa bastante carga de processamento por algo que ja existe solução no ext4, xfs, zfs, e btrfs a muuuito tempo com simples escrita com delay e melhor calculo de cilindros); e por ultimo mas mais marcante… quem nunca se deparou com a tela azul da morte??? até Bill Gates já viu uma https://www.youtube.com/watch?v=IW7Rqwwth84. Eu sei, win98, mas não deixa de ser ilári. hehe. E mesmo assim o ME, XP tinham muitos erros que causavam dump de memório, até memso o windows 7.
    Ja usei Fedora por quase um ano, kubuntu por 2 anos, slackware por 2 anos em meu notebook(ollha só), e atualmente uso o arch a 4 anos em meus servidores pessoais, desktop e notebook, e CentOS profissionalmente a mais de 2 anos e nesse tempo todo e em todas essas distros, tirando meu notebook sem cooler, minhas brincadeiras com o mkinitpcio e inesperientes compilações do kernel, nunca tive um kernel panic ou um reboot inesperado.
    Fui usuário de windows 95, 98, xp, e o 7 por ultimo, e em todos eles tive inúmeros problemas de instabilidade do kernel, overload de serviços que não faziam nada, vírus, e muitas, mas muitas telas azuis.
    Ja até me aventurei com windows server 2008, mas no final, a mesma coisa, um pouco menos problemático e com suporte a uns sistemas de arquivos específicos para compartilhamentos de protocolos mais isolados como smb(é claro que tem bastante ferramenta de configuração avançada de serviços para rede como dns, login de domínio, dhcp, ftp, “vpns” e firewall, e telnet, Telnet, TELNET???!!!!, mas são muito pobres se você está acostumado com gnu/Linux’s ou BSDs).

    De novo, rs, são opiniões pessoais. Existem muitas pessoas que não se importam com esses fatores, a maioria na verdade nem os conhece e não faz diferênça em sua vida, porém na minha faz, principalmente se você trabalha com servidores que precisam funcionar 24h durante meses sem desligar com máximo desempenho…
    Tenta ficar 3 dias sem reiniciar seu windows com alta carga de processamento e uso de memória durante o dia inteiro e verá a bagunça que é o gerenciamento de memória do nt e se o desempenho no final será satisfatório…

  • ThiagoCunha

    Esse Problema que aconteceu comigo eu sem querer desliguei o Mac no Update corrompeu o Sistema operacional e reinstalei ele todo pelo Wifi

  • StefanPasoldDamacena

    #RAULLL Marechais, geral fala mal de windows, mas eu particularmente não tive muitos problemas com ele, posso contar nos dedos as telas azuis e afins, mas sei la depende do uso de cada um eu acho.
    Abraços!