A Orkutização do Mundo

A Orkutização do Mundo

Desde a era do byte lascado ouve-se #mimimi do tipo: “Bom era no tempo da BBS, não existia esse bando de pirralho no mIRC”! A diferença é que hoje teria ICQ e MSN no lugar de BBS e mIRC, respectivamente. Com a popularização da internet, a quantidade de ~mimizeiros~ aumentou exponencialmente ao longo dos anos.

A onda do momento é reclamar da orkutização do Facebook, afinal tivemos a timeline invadida pelas correntes de autoajuda, pelos gifs engraçadinhos, as mensagens da Martha Medeiros (que deve ser autora de 0,01% dos textos atribuídos a ela), os malditos joguinhos WhateverVille… Aí alguns early adopters falariam: “Antigamente que era bom! Por mim essa mulambada ainda não tinha vindo pra cá!”, como se a culpa do péssimo conteúdo fosse da rede social criada pelo Sr. Orkut. Então a solução é criar uma rede social só pra você e seu miguxo intelectual? Palmas Flipper!

Xingar muito no Twitter não resolve nem show do Restart e muito menos vai melhorar as idiotices postadas na grande rede. “Maldita classe C (D, E, X…) que compra computador parcelado nas Casas Bahia!!”. Como se você fosse filho do Eike, né? O grande vilão dessa história possui apenas 3 letras: NÓS. Isso aí! Eu, você, a vovó e a titia. Quando a gente prefere apenas usar o ctrl+c ctrl+v, sem pensar se os outros querem aquilo ou não, o resultado é lixo digital. Se os textos postados na interwebs fossem obrigatoriamente autorais, teríamos uma redução drástica nessa poluição. Aí você fica todo pimpão pensando “Ah, eu não compartilho qualquer coisa que me mandam. Esse papo não é comigo”. Errado! Se você fica se lamentando pela orkutização do facebook, do twitter, do Brasil, do mundo… é sim! Isso é lixo digital amigo!!! Uma informação inútil que é compartilhada aos borbotões!! Quando a educação oferecida para a população é precária, não se pode esperar que a mesma gere conteúdo inteligente. E não digo inteligente por textos que mudarão a sua vida. Estou falando daquelas bobagens escritas num momento de ócio, mas que vem do indivíduo. Ou seja, o cara parou para pensar sobre alguma coisa e compartilhou a sua visão.

O problema é que educação de qualidade se não é uma utopia, está próxima disto. E aí, vamos desligar o computador e ir pescar? Não! Usaremos o bom senso. Não é pra deixar de adicionar a sua priminha pré-adolescente que digita “ooooiiieeee, diaa lindoooo” ou o vizinho chato que só escreve “vai curintia!”, mas filtrar que tipo de informação você quer. Uma das grandes maravilhas da revolução digital é não sermos mais escravos do conteúdo alheio, mas parece que a grande maioria ainda não acordou pra essa abolição. NÓS temos o poder de criar listas ou bloquear no Twitter, de escolher os sites que vamos ver e quais amigos vamos ler.

A minha orkutização eu resolvo de uma forma simples: UNSUBSCRIBE.

Sobre o autor

  • Concordo plenamente. Uma das grandes vantagens da internet é você poder escolher o que quer ver. Não quer piadinhas inúteis no Facebook? Cancele a assinatura do sujeito e pronto. Há um mês eu fiz um post no meu blog falando que não devemos dar bola pra quem se “orkutizou”: devemos seguir nossa “vida digital”. Para quem quiser ler, o post tá nesse link aqui: http://faltoumana.blogspot.com.br/2012/04/voce-tambem-se-orkutizou-e-dai.html

  • exatamente…. tem MUITA gente no meu FB que eu simplesmente não sigo. Já deletei mas a pessoa insiste em ser meu amigo no fb, mesmo nunca falando comigo… então tá bom, fica lá, sem ter nada seu sendo compartilhado comigo…… xD

  • Augusto Mesquita

    É realmente lamentável a orkutização do facebook.

    Mas no meu caso, quando vejo essas bobagens na minha timeline, eu vejo quem postou essa bobagem e bloqueio a pessoa, depois deleto ela da minha lista de amigos.
    Simples, rápido, prático e funcional.

  • Senhora Malicia

    Sem dúvida fazer uma seleção e filtrar o conteúdo é importante… eu mesma sou muito “chata” em relação a isso… e realmente não adianta ficar reclamando… … acho somente que a maior parte das pessoas reclamam porque antes não precisávamos fazer isso… e agora está demais :-/

  • Ramon

    Q honra… q honra!!

  • Roberta

    Eu acho que é bobeira mesmo ficar reclamando e se preocupando com o que os outros escrevem, não precisa nem dar unsubscribe, pois pode ser que um dia a pessoa poste algo interessante… O negócio é parar de se ligar no que não agrada e ignorar, PRONTO. Bem mais simples.