EU JOGUEI Streets of Rage!

EU JOGUEI Streets of Rage!

Quem nunca assistiu “Warriors” e ficou se imaginando nas brigas de gangues? Nas guerras que aconteciam no submundo das ruas? Eu, particularmente ficava maluco! Me imaginava sendo um lider de uma gangue a lá Toninho Cerezo no clipe de “Beat it”… Pô, falem a verdade, ser um cara “temido” era o sonho de toda criança!

Vamos voltar no tempo e ir para o começo da década de 90 para acompanhar um dos maiores sucessos da história dos games. O ano era 1992 e o console, Mega-Drive. Streets of Rage era lançado nos Brasil sob o nome da maior empresa de games da época: A Sega.

http://www.youtube.com/watch?v=hikFCwduCIQ

O jogo contava a história de uma cidade que deixou de ser um lugar tranquilo quando uma organização criminosa tomou conta de tudo, inclusive a polícia e o governo. Ninguém estava seguro. Em meio a isso tudo, um grupo de jovens decidiu recuperar toda a tranquilidade perdida. Eram eles: Adam Hunter, Axel Stone e Blaze Fielding. Você podia jogar com qualquer um deles.


No maior estilo beat ‘em up, Streets of Rage logo se tornou um sucesso absurdo. Todas as pessoas iam nas locadoras, fliperamas e pediam “briga de rua”. O jogo rapidamente se tornou absoluto nos vídeo-games de crianças, adolescentes e adultos. Com uma trilha sonora eletrônica (diga-se de passagem: F*DA!), o jogo era repleto de coisas que o deixavam “mais real”, como detalhes gráficos, animações e porradas que doiam só de olhar.

Se você não jogou Streets of Rage, hoje em dia há nas interwebs uma versão criada por fãs (e melhor que o original), disponível aqui!!!!

Agora, se você jogou, conte-nos! E lembre-se de deixar sua sugestão para o post da semana que vem!

See ya!

Sobre o autor

  • CARACA… bateu forte a nostalgia em… jogasso…

  • Primeiro! Rs… (brincadeira!). Eu joguei muito este jogo! Alugava direto! Jogava o 1, o 2 e o 3. Fantástico, muito bom. Precisava demais ter um remake, o Axel no seu estilo boxe detonava muito!
    Ótimo post, eu sou mega fã de Mega! 🙂
    Abraços!

  • Esse jogo é foda!! Era da época q tinha q ralar pra zerar um jogo. sensacional!

    Acho q junto com Double Dragon, divide o topo da lista dos beat’em up.

  • @Marcello_MN

    Nada como quebrar uma garrafa na cabeça d irmão mais novo… ou do seu tio! Bons tempos. =)
    O Adam era tão roubado q não voltou nos jogos seguintes. rs…

    A trilha sonora é algo q ouço até hoje. Streets of Rage foi sensacional. O melhor de tds foi o terceiro. Q tinha 3 personagens secretos.

    Shiva: O braço direito do chefão mafioso, Mr. X se não me engano. Após vence-lo, segure B até o início da próxima fase e vc vai ouvir um barulho. Assim q vc morrer e pegar continue, SHiva ai estar disponível na seleção de personagens. Ele é um roubo, foda demais.

    Canguru 1: Esqueci o nome dos cangurus boxeadores. Mas um deles vai pro sue lado igual ao Shiva, se ao enfrenta-lo, vc não o atacar. Derrubando apenas o palhaço domador q está com ele.

    Canguru 2: Esse tem um macete na tela de seleção. Ok, eu não lembro o macete de cabeça. Mas o google tá aí pra isso, né! Se vira! XD

  • Joguei o 2 ontem, muito bom, como era mais foda esses personagens dos jogos dos anos 80/90 no Japão, hoje em dia é tudo de sexo indefinido.

  • @Marcello_MN

    Po mano, verdade! O mais bacana foi acompanhar a evolução do Shiva! No primeiro, ele era o chefe da 2 fase, no segundo ele era chefe da 6 fase e no terceiro, guarda-costas do Mr. X!
    A franquia tem vários plots assim… o jogo era realmente foda!
    Eu to jogando esse remake sempre que tenho um tempo livre… É ANIMAL!

  • Cara, depois de ressuscitar meu emulador de Mega, terei que apelar.
    Numa promoção da PSN Plus, baixei no game esse jogo, com os mesmos gráficos 16 bits e PQP surtei com o fantástico jogo. Nostalgia pura.

    O macete do Shiva era muito bom, ainda mais quando você vinha todo fodão. Fora que no 3, o moleque de patins tinha um dos combos mais apelões quando pegava nos bandidos.

  • caraca, lembro q a primeira vez q joguei, tava viajando com meus pais, na pousada do rio quente, e tinha uma area com fliperamas, e o cara largou o jogo com credito ilimitado … fiquei horas jogando até meu pai chegar e ma dar a maior bronca pelo horario

    depois disso, jogava sempre que ia visitar um amigo vizinho de minha vó 😀